Futebol

Danilo quer "ajudar" Portugal seja como médio ou como central

Danilo quer "ajudar" Portugal seja como médio ou como central

O futebolista Danilo Pereira manifestou-se, esta sexta-feira, disponível para "ajudar" a seleção portuguesa em qualquer posição e assumiu que se sente "confortável" a jogar como ​​​​​​​defesa central, apesar de ser médio de origem.

"Essa polivalência ajuda-me bastante. Não é a primeira vez que faço essas funções na seleção, nem no clube. É um lugar em que me sinto confortável. Estou aqui para ajudar a seleção e não vejo qualquer problema em jogar a médio ou defesa central", confessou, em conferência de imprensa, dias depois de o selecionador Fernando Santos ter admitido que o jogador do Paris Saint-Germain "é um opção forte" para o eixo defensivo da equipa das quinas.

De resto, Danilo acredita que o particular com o Catar, no sábado, no Estádio Algarve, será uma boa oportunidade para jogar, tendo em conta que soma apenas quatro partidas como titular do PSG esta temporada. "Todas as oportunidades são boas para jogar. Num contexto de seleção, todos têm ambição de jogar e, se tiver essa oportunidade, fá-lo-ei com muito orgulho", afirmou o internacional luso, de 30 anos, que soma 52 jogos pela seleção nacional.

Para o médio, o encontro de preparação com o Catar servirá para "colocar em prática os automatismos da equipa em contexto de jogo", até porque, três dias depois, seguir-se-á a partida a 'doer' com o Luxemburgo, a antepenúltima na qualificação para o Mundial 2022.

"O Luxemburgo é uma seleção que vem em crescendo, com vários jogadores que jogam a um nível alto. É uma seleção que ainda vai dar que falar. Não é daquelas seleções das quais possamos dizer que vamos ganhar por 3-0 ou 4-0", observou, confessando ainda ser "um privilégio" jogar com Cristiano Ronaldo na seleção e com o argentino Lionel Messi no PSG: "São dois jogadores de exceção, ganharam inúmeras Bolas de Ouro. Fico feliz por dividir o balneário e o campo com os dois".

A seleção portuguesa joga com o Catar no sábado, às 20.15 horas, em encontro particular, e na terça-feira defronta o Luxemburgo, às 19.45 horas, para o Grupo A de qualificação para o Mundial 2022, sendo que ambas as partidas se realizam no Estádio Algarve.

Portugal lidera o Grupo A de qualificação para o Campeonato do Mundo do próximo ano, com 13 pontos, mais dois do que a Sérvia (11), segunda colocada, e mais sete face ao Luxemburgo (seis), que é terceiro, à frente de República da Irlanda (dois) e Azerbaijão (um).

PUB

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG