Desporto

David Ferrer vence primeiro Masters 1000 em Paris-Bercy

David Ferrer vence primeiro Masters 1000 em Paris-Bercy

O tenista espanhol David Ferrer averbou este domingo em Paris-Bercy o primeiro triunfo da carreira em torneios de categoria Masters 1000, depois de vencer o improvável finalista polaco Jerzy Janowicz.

Ferrer, de 30 anos, tornou-se no primeiro espanhol a conquistar o título individual no Paris-Bercy, depois de aplicar os parciais de 6-4 e 6-3 a Jerzy Janowicz, 69.º na hierarquia mundial.

Os espanhóis Rafael Nadal (2007) e Sergio Casal (1986) discutiram também o título de singulares em Paris-Bercy, mas não conseguiram vencer, cedendo para o argentino David Nalbandian e para o alemão Boris Becker, respetivamente.

"É um sonho ganhar um Masters 1000. Tive oportunidade de vencer em Roma, Monte Carlo e Xangai, mas, desta vez, aconteceu e é uma recompensa na melhor temporada da minha carreira", disse Ferrer, número cinco no Mundo, que conquistou o sétimo título de singulares do ano.

Numa semana de sonho, Jerzy Janowicz apenas foi travado na final de Paris-Bercy, depois de ter disputado a fase de qualificação.

No entanto, o polaco foi incapaz de igualar o feito do espanhol Albert Portas, em 2001, em Hamburgo, que derrotou o compatriota Juan Carlos Ferrero e venceu uma final do Masters 1000 após ter jogado a fase preliminar.

No percurso para a final de Paris-Bercy, Janowicz afastou dois "top" 10, o escocês Andy Murray, número três mundial e campeão olímpico de singulares, e o sérvio Janko Tipsarevic, nono na classificação mundial.

PUB

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG