Futebol

Defesa do Barcelona já teve alta hospitalar após concussão

Defesa do Barcelona já teve alta hospitalar após concussão

O futebolista internacional uruguaio do FC Barcelona Ronald Araújo, que na terça-feira sofreu uma concussão num choque com o seu colega de equipa Gavi, recebeu alta hospitalar após exames "satisfatórios".

A duração da ausência do defesa, de 23 anos, dependerá da evolução do seu estado de saúde, acrescentou o emblema catalão em comunicado.

O central Ronald Araújo saiu de ambulância depois de um choque com o seu colega de equipa Gavi durante o jogo da 36.ª jornada da Liga espanhola, frente ao Celta de Vigo, em Camp Nou, que terminou com o triunfo dos catalães por 3-1.

Numa bola aérea, Ronald Araújo acertou na cabeça de Gavi, regressando ao eixo da defesa cambaleando e com expressões faciais de sofrimento, antes de cair ao chão, pouco depois dos 60 minutos de jogo.

Depois de vários minutos a ser assistido em campo, Ronald Araújo acabaria por ser substituído pelo francês Clement Lenglet, aos 68 minutos.

O companheiro de equipa Eric Garcia e o capitão do Celta de Vigo, Iago Aspas, prestaram-lhe os primeiros socorros, antes de os treinadores e de a ambulância entrarem em campo.

Em final de abril, Ronald Araújo renovou contrato com o Barcelona até 2026, com uma cláusula de rescisão de mil milhões de euros.

PUB

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG