Futebol

Desportivo de Chaves paga mês de março e avança com lay-off

Desportivo de Chaves paga mês de março e avança com lay-off

O presidente do clube da LigaPro explicou, esta segunda-feira, que era inevitável reduzir os custos devido à paragem competitiva: "Não temos outra hipótese".

O Desportivo de Chaves vai avançar com lay-off, reduzindo os ordenados em um terço, mas garantindo o pagamento de março na íntegra, disse esta segunda-feira o presidente da SAD.

"Não temos outra hipótese, somos obrigados a parar a nossa atividade e se existe uma lei geral temos de a utilizar", adiantou à Lusa, Francisco José Carvalho.

O líder dos flavienses explicou que haverá "um corte de um terço do ordenado dos jogadores" e que foi garantido o pagamento do mês de março "na íntegra".

"A lei geral do lay-off garante ordenados até aos 1905 euros máximo, mas nós asseguramos a diferença até dois terços dos ordenados dos futebolistas", realçou.

O presidente da SAD do Desportivo de Chaves comunicou esta segunda-feira aos atletas e restantes funcionários da SAD a decisão através de videoconferência.

Outras Notícias

Outros Conteúdos GMG