O Jogo ao Vivo

Exclusivo

​​​​​​​Dragão ganha oxigénio e devolve guerreiros à terra

​​​​​​​Dragão ganha oxigénio e devolve guerreiros à terra

F. C. Porto volta às vitórias e consegue um resultado pesado para um Braga que ainda não tinha perdido esta época. Taremi brilhou mesmo sem marcar.

A paragem para as seleções fez bem ao F. C. Porto e mal ao Braga, duas equipas que chegaram a este duelo com estados de espírito antagónicos. Os números finais são pesados para os minhotos, que ainda assustaram o Dragão na segunda parte, quando já perdiam por 2-0. Ainda assim, os portistas fizeram por merecer o triunfo, pelos golos que marcaram e pela forma mais solta como se apresentaram, mesmo que a exibição não tenha sido isenta de erros.

Sérgio Conceição surpreendeu com a aposta em Bruno Costa no meio-campo e o Braga apresentou-se com um onze muito ofensivo (Vitinha saltou para a titularidade e fez dupla de ataque com Banza), mas a equipa de Artur Jorge viu-se pouco na primeira parte. Pressionado pelos últimos resultados, o F. C. Porto não começou bem, mas a partir da meia-hora começou a aproveitar os espaços na transição defensiva adversária.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG