Exclusivo

Dragão tenta baixar os 15 milhões que o Corinthians pede por João Victor

Dragão tenta baixar os 15 milhões que o Corinthians pede por João Victor

Paulistas só têm 55% do passe do defesa central. Restantes 45% pertencem ao Coimbra, clube do estado de Minas Gerais que é gerido pelo BMG, que foi parceiro da SAD portista na construção do Museu do Dragão.

O reforço do centro da defesa é a prioridade da SAD azul e branca neste mercado de transferências e os alvos primordiais estão bem definidos. Além de David Carmo, por quem o Braga não abdica dos 30 milhões de euros inseridos na cláusula de rescisão, os dragões também têm, tal como o JN noticiou, João Victor muito bem referenciado e já sabem o preço pedido pelo Corinthians. O clube de São Paulo pediu 15 milhões de euros pelos direitos económicos do atleta, de 23 anos, valor que o F. C. Porto não está disposto a pagar, tendo, aliás, um aliado de peso nas negociações.

O Corinthians só tem 55% do passe de João Victor, sendo que os restantes 45% pertencem ao Coimbra Sports, um emblema da cidade de Contagem (Minas Gerais), que é gerido pelo banco BMG.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG