Desporto

Dulce Félix perde vários lugares na maratona de Boston

Dulce Félix perde vários lugares na maratona de Boston

A quebra de Dulce Félix nos quilómetros finais da Maratona de Boston, em que caiu do primeiro para o nono lugar, deveu-se a dores musculares, explicou a atleta portuguesa, no final da corrida.

"O ritmo não ia rápido e o grupo (da frente) passou com mais de 1:14 (horas) à meia-maratona. Achei que devia arriscar, porque já não dava para fazer marca", disse Dulce Félix, que terminou com 2:30.05, a mais de quatro minutos do seu recorde pessoal.

Dulce Felix passou para a frente entre os 26 e os 38 quilómetros e quebrou na parte mais difícil do percurso, tendo sido ultrapassada nos quatro quilómetros finais por oito adversárias. "Aos 38 km, comecei a sofrer muitas dores musculares e não aguentei o ritmo. No entanto, continuei a lutar até ao fim, porque queria mesmo acabar a prova!", destacou.

As marcas finais da corrida ressentiram-se de uma temperatura acima da média para a época, com a vencedora, a queniana Rita Jeptoo, a vencer com o tempo relativamente fraco de 2:26.25.

Esta foi a quarta maratona concluída por Dulce Félix e aquela em que fez pior marca. O seu recorde pessoal é de 2:25.40, em Nova Iorque, há dois anos, em que foi quarta classificada.

A atual campeã europeia de 10.000 metros e vice-campeã europeia de corta-mato esteve em Londres2012 na maratona, ficando-se pelo 21.º lugar, mas com 2:28.12.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG