O Jogo ao Vivo

Exclusivo

Espanhóis castigam a habitual tentação portuguesa pelo abismo

Espanhóis castigam a habitual tentação portuguesa pelo abismo

Golo de Morata a afasta seleção lusa da Liga das Nações. Recuo na parte final do jogo volta a ser fatal para as quinas.

Eis um jogo e um resultado difíceis de digerir para a seleção portuguesa, a menos de dois meses do Mundial do Catar. Mais do que perder com a Espanha, uma equipa de topo, recheada de talento, o que ficou na retina do duelo ibérico de Braga foi aquela ideia, já vista em ocasiões anteriores, de que Portugal não se consegue exibir ao nível da qualidade dos jogadores que possui, sobretudo em jogos decisivos.

É um facto que a seleção das quinas teve oportunidades para marcar e, provavelmente, ganhar. Mais do que a Espanha. E que o guarda-redes Unai Simon negou vários golos quase feitos aos portugueses. Mas, tudo espremido, o que se tira do jogo foi aquele incrível recuo no terreno de Portugal a partir de meio da segunda parte, qual tentação (inconsciente?) por segurar um empate que servia para passar à final four da Liga das Nações, mas não para confirmar a promessa de que os jogos são sempre para ganhar.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG