Conteúdo PatrocinadoClassificativa

Rali obriga a mudar dezenas de linhas da STCP na Baixa do Porto

Rali obriga a mudar dezenas de linhas da STCP na Baixa do Porto

A realização da Porto Street Stage na Baixa do Porto no próximo dia 18 vai obrigar a alterar o local de término ou o percurso de 45 linhas de autocarros da STCP.

As alterações vão estar em vigor entre as 21 horas de dia 17, quinta-feira, e as 7 horas de dia 19, sábado.

A prova, inserida no figurino oficial do Rally de Portugal, disputa-se ao final da tarde de dia 18, sexta-feira. Os bólides vão acelerar entre o topo da Avenida Dom Afonso Henriques, junto à Sé, e a Cordoaria, nas imediações do Tribunal da Relação, num percurso com quase dois quilómetros. A inédita passagem pela zona dos Clérigos é uma das atrações deste ano.

Com o centro do Porto condicionado, a STCP viu-se obrigada a desencadear um plano de contingência para minimizar os transtornos para os milhares de passageiros que utilizam as dezenas de linhas que atravessam ou têm o seu término no perímetro onde se vai realizar a competição.

Todas as linhas que finalizam os seus trajetos no perímetro condicionado pela prova irão ter a sua última paragem noutro local.

As linhas que atravessam a zona fechada para a prova terão mais impactos. Assim, as linhas 302 e 303 irão ter um término na Boavista, ficando o término no extremo oposto situado no Campo 24 de Agosto.

A linha 207 só circulará entre o Mercado da Foz e a Rua da Restauração, sendo o percurso entre a Baixa e Campanhã servido pela linha 400, cujo término ficará na Batalha.

A linha 900 será suprimida, sendo substituída pelas linhas 901 e 906, que efetuarão o término na Batalha (Rua Alexandre Herculano).

As linhas de elétrico 18 e 22 também não circularão no dia 18.

Outras Notícias

Outros Conteúdos GMG