Teste de produto

Correr nas nuvens, com as Saucony Ride ISO

Correr nas nuvens, com as Saucony Ride ISO

Quando falamos de sapatilhas Saucony, não é de todo invulgar algum desconhecimento da marca.

Quem corre há algum tempo, já ouviu falar dela e há sempre aquele amigo corredor que já experimentou e não imagina correr com outro par que não seja Saucony.

No entanto, não é das marcas mais consensuais entre os atletas amadores e profissionais.

Pois bem, deitámos as mãos, ou melhor, os pés, às Saucony Ride ISO e partimos para a corrida.

A primeira impressão é de estarmos perante umas sapatilhas um pouco estranhas. A linha estética da Saucony sempre teve um esquema de cores algo diferente e este modelo não é exceção. Dá pelo nome de White Noise (Ruído Branco) e é, como o nome indica, completamente branco. Sem quaisquer outras versões de cores, este é um modelo que se ama ou se odeia.

Vamos calçar

Umas vez no pé, as sapatilhas parecem ser volumosas, ao estilo dos modelos para ténis. Mas é uma impressão que rapidamente se desvanece.

Com um drop (diferença de altura do calcanhar aos dedos) de 8 milímetros, normal para sapatilhas de estrada, a performance é surpreendente.

Estamos a falar de um modelo com 275 gramas de peso, otimizado para longas distâncias. A tecnologia de amortecimento é POWERFOAM (espuma), o que reduz o peso das sapatilhas e possibilita uma resposta rápida pós impacto.

Um facto interessante foi o facto de não ter havido qualquer tipo de dor ou resistência no pé após a primeira corrida. É comum, ao testar um novo modelo de sapatilhas, os pés ressentirem-se com alguma bolha ou até calo para os atletas com mais quilómetros nos pés. Neste caso, a primeira corrida foi igual a todas as restantes.

É habitual as sapatilhas da Saucony terem uma parte frontal bastante larga, por forma a evitar a compressão dos dedos dos pés. É verdade que, com mais espaço, os dedos não ficam encavalitados, o que seria desconfortável para qualquer corredor. A caixa onde o calcanhar encaixa é bastante almofadada e talvez sejam estes dois fatores a fazer as sapatilhas parecerem volumosas.

Nota final

O ditado diz que não se deve julgar um livro pela capa e as Saucony Ride ISO são disso exemplo. Não sendo as sapatilhas visualmente mais interessantes do mercado, a verdade é que têm um desempenho surpreendente e, só por isso, merecem competir com outras marcas mais comerciais.

Preço: 145€

ver mais vídeos