Premium

Mariana Cabral: "Treinar equipa sénior é passo que gostava de dar"

Mariana Cabral: "Treinar equipa sénior é passo que gostava de dar"

Uma hora antes do treino, ao início da noite no polo leonino do Estádio Universitário de Lisboa, o termómetro nem chegava aos dez graus quando o JN se encontrou com Mariana Cabral, jornalista (do "Expresso") e coordenadora do futebol feminino do Sporting.

Depois de um início de conversa a discutir o papel da mulher no futebol e na sociedade, e as dificuldades que isso acarreta para aquela que foi a primeira portuguesa a votar na Bola de Ouro feminina (ganha pela norueguesa Ada Hegerberg), a treinadora das bês e juniores leoninas assumiu a ambição natural de orientar uma equipa principal, em Alvalade ou longe.

Mas, por enquanto, sente-se confortável com as jovens leoas, um projeto que bate recordes e ainda está longe do fim. Já a transição Bruno de Carvalho-Frederico Varandas, na presidência do clube, mal afetou a formação feminina.

ver mais vídeos