Premium

Um ensaio para lá dos holofotes da fama

Um ensaio para lá dos holofotes da fama

Secção de râguebi do Sport Club do Porto conta com mais de 100 atletas. Projeto nasceu há sete anos

Râguebi Num país onde o futebol é rei e absorve grande parte das atenções, convencer miúdos a jogar râguebi não é propriamente uma tarefa fácil. Pelo menos, à primeira vista. Mas ainda há quem tente contrariar a tendência e o consiga com bastante sucesso. A secção de râguebi do Sport Club do Porto (SCP), fundada em 2012, conta com mais de 100 atletas e espelha esse trabalho que é feito longe dos holofotes mediáticos.

No meio de muitas bolas de râguebi voadoras e gritos eufóricos, os jovens placam, caem e levantam-se. No fim, com os olhos focados na treinadora Daniela Correia, conhecida por "Deolinda", recebem as lições. Afinal, foi com ela e com o professor Nuno Gramaxo, que tudo começou. "Passámos por várias escolas para divulgar o projeto "Valorizar os valores". Conseguimos transmitir a mensagem que neste desporto defendemos os valores e atraímos muitos jovens para o Sport", disse Daniela Correia, que para além de professora é jogadora e capitã da seleção nacional feminina de râguebi.

ver mais vídeos