Exclusivo

Um "anjo da guarda" deu-lhe asas para voar

Um "anjo da guarda" deu-lhe asas para voar

O sonho comanda a vida, mas quem comanda o sonho somos nós próprios. Pode parecer cliché e, desprovida de contexto, a frase pode nem fazer sentido. Porém, basta conhecer João Correia, atleta adaptado do Centro de Atletismo de Santo Tirso, para passarmos a compreendê-la na perfeição.

Foi atropelado com dois anos e desde então é refém de uma cadeira de rodas. Não sabe viver de outra forma, é certo, uma vez que apenas deu os primeiros passos enquanto bebé, mas João tem uma certeza: "Não é uma cadeira de rodas que vai fazer de mim uma pessoa diferente", disse.

Quebrar padrões de preconceito e ultrapassar obstáculos fazem parte dos seus propósitos de vida. Pratica desporto desde que se lembra de ser gente e começou o percurso pelo basquetebol. "Antigamente não havia grande opção, hoje em dia, felizmente, já existem muitos desportos adaptados", contou.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG