Basquetebol

Estados Unidos redimem-se e cilindram Irão

Estados Unidos redimem-se e cilindram Irão

Os Estados Unidos desforraram-se esta quarta-feira da derrota no arranque do torneio de basquetebol dos Jogos Olímpicos Tóquio 2020, impondo-se ao Irão (120-66), enquanto a França garantiu a passagem aos quartos de final, na segunda jornada.

Depois do surpreendente triunfo na estreia sobre os norte-americanos (83-76), tricampeões em título e equipa que estava imbatível há 25 jogos, a seleção gaulesa venceu a República Checa por 97-77 e assegurou o primeiro lugar do Grupo A.

Na terceira e decisiva jornada, Estados Unidos e checos vão decidir quem acompanha a França para a próxima ronda, enquanto o Irão já está eliminado.

No Grupo B, a Austrália somou a segunda vitória, ao bater a Itália por 86-83, e continua a liderar o agrupamento, enquanto a Alemanha venceu a Nigéria, por 99-92.

Na Saitama Super Arena, Damian Lillard, com 21 pontos, liderou os Estados Unidos, que já venciam ao intervalo por 60-30, com destaque também para os 13 pontos, oito assistências e quatro ressaltos de Zach Lavine.

Do outro lado, o "gigante" Hamed Haddadi, com 15 pontos e seis ressaltos, foi o melhor no Irão.

No triunfo da França, Evan Fournier voltou a ser o melhor em campo, desta vez com 21 pontos, acompanhado de Nando de Colo, que somou 17 pontos e oito assistências, numa partida em os gauleses já venciam por 11 (51-40) ao intervalo, depois de um segundo período demolidor (29-12).

PUB

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG