Futebol

Estoril poderá ser castigado com derrota

Estoril poderá ser castigado com derrota

A segunda metade do jogo entre o Estoril e o F. C. Porto não começou devido a falta de condições de segurança. Vários adeptos deslocaram-se para o relvado após sentirem a bancada topo norte a ceder.

O encontro desta sexta-feira, a contar para a 18.ª jornada da liga, entre o Estoril e o F. C. Porto, no Estádio António Coimbra da Mota, foi interrompido. A bancada norte do estádio foi evacuada, depois de os adeptos sentirem a estrutura a ceder. Durante o intervalo, adeptos que estavam no encontro e que foram à casa de banho aperceberam-se que estavam a cair pedaços de estuque do chão do recinto e alertaram os bombeiros, que evacuaram a bancada.

De acordo com o artigo 94 do Regulamento da Liga, "não realização de jogos por falta de condições do estádio, de segurança ou dos equipamentos" pode ser punida com derrota ou multa. Resta saber se as fissuras num pilar de uma bancada com apenas três anos podem ser da responsabilidade do Estoril-Praia, num dia em que registou um tremor de terra no Sul do país.

"Quando um jogo oficial não se efetuar ou não se concluir em virtude do estádio não se encontrar em condições regulamentares por facto imputável ao clube que o indica, é este punido com a sanção de derrota e, acessoriamente, com a sanção de multa (...) e com a sanção de reparação à Liga e ao adversário das despesas de arbitragem, de delegacias, de organização e do valor da receita que eventualmente coubesse ao adversário", pode ler-se no referido ponto do RD.

PUB

Segundo comunicado publicado no site dos dragões, a segunda parte do jogo não se vai jogar na terça-feira. cabendo aos clubes envolvidos agendar uma nova data.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG