Exclusivo

F. C. Porto - Boavista: vem aí duelo de fazer faísca

F. C. Porto - Boavista: vem aí duelo de fazer faísca

F. C. Porto e Boavista defrontam-se este sábado no Dragão, na 143.ª edição de um dérbi com muita história. Ambos vêm de resultados negativos e este jogo é uma boa oportunidade de redenção.

Mesmo sem o sal e a pimenta de outros tempos, aqueles em que as duas equipas lutavam taco a taco pelos primeiros lugares do campeonato, um F. C. Porto-Boavista é sempre especial, tal a rivalidade entre os adeptos e a alta intensidade que os jogadores costumam colocar em campo. O de amanhã não deve fugir a essa regra, tendo a particularidade de pôr em confronto duas equipas que vêm de maus resultados: os dragões chegam ao dérbi após a derrota nos Açores, que ditou o adeus à Taça da Liga, enquanto as panteras somam seis jogos sem vencer, após o empate a zero em casa com o Belenenses SAD, último classificado da Liga.

"É uma partida que qualquer jogador gosta de jogar e que os adeptos querem muito ganhar. Os níveis de motivação aumentam, sobretudo do lado do Boavista. No F. C. Porto, já se sabe que todos os jogos são para ganhar. Essa pressão e exigência são constantes", diz, ao JN, Diogo Valente, jogador do Salgueiros, que no início da carreira representou panteras e dragões. O atacante, agora com 37 anos, tinha 22 quando se estreou no onze do Boavista, precisamente no Dragão, naquele que continua a ser o único triunfo dos axadrezados no atual estádio do F. C. Porto, na época de 2004/05.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG