Futebol

F. C. Porto à procura de mais pontos e milhões

F. C. Porto à procura de mais pontos e milhões

Dragões jogam esta quarta-feira em Marselha e um bom resultado deixa mais perto o apuramento para os oitavos de final da Liga dos Campeões

Três semanas depois de ter ganho em casa ao Marselha, por 3-0, o F. C. Porto volta a defrontar a equipa de André Villas-Boas, desta vez em França, na quarta jornada do Grupo C da Champions. Com seis pontos conquistados em três jogos, os portistas podem desbravar caminho rumo à desejada passagem aos oitavos, se conseguirem um bom resultado no Vélodrome.

Se pontuar, a equipa de Sérgio Conceição afasta de imediato o Marselha da luta pela qualificação, reservada aos dois primeiros classificados do grupo. Uma vitória poderá deixar os dragões a apenas um ponto do apuramento, caso o líder Manchester City confirme o favoritismo no outro jogo do grupo, diante do Olympiacos, em Atenas. Um triunfo do Marselha, que procura evitar o recorde de 13 derrotas seguidas em partidas da Liga dos Campeões, deixará todas as contas em aberto para as duas últimas jornadas.

Para além dos pontos, o F. C. Porto também procura em Marselha reforçar o encaixe financeiro proporcionado pela presença nesta competição. Até agora, estão garantidos 42 milhões de euros pela participação na fase de grupos e mais 5,4 milhões pelas duas vitórias já obtidas. Se vencer em França, o clube da Invicta assegura mais 2,7 milhões (900 mil euros em caso de empate) e fica perto dos 9,5 milhões reservados a quem passar aos oitavos de final.

Isso significaria chegar a uma receita de quase 60 milhões de euros, passível de ser aumentada nos dois jogos seguintes, e isto ainda sem contar com as verbas do chamado "market pool", relativas ao dinheiro gerado pelas transmissões televisivas para cada país, que nesta edição o F. C. Porto não terá de dividir com ninguém, pois é o único representante português na prova.

Para o treinador Sérgio Conceição, um bom resultado em Marselha permite ficar próximo de conseguir o pleno de apuramentos em fases de grupos da Champions, depois da chegada aos oitavos de final em 2017/18 e aos quartos de final em 2018/19. Recorde-se que, na época passada, o F. C. Porto ficou na terceira pré-eliminatória, eliminado pelo Krasnodar.

Conceição já é o segundo na lista de técnicos portistas no que diz respeito a qualificações para as rondas a eliminar, só superado por Jesualdo Ferreira, que se apurou quatro anos seguidos, em 2006/07 e 2009/10. Bobby Robson, António Oliveira, Fernando Santos, José Mourinho, Victor Fernandéz, Vítor Pereira, Julen Lopetegui e Nuno Espírito Santos conseguiram passar uma vez, desde que a prova se começou a disputar em formato Champions League, em 1992.

PUB

Nas participações anteriores, quando terminou a quarta jornada com pelo menos sete pontos, no mínimo o que terá se não perder esta noite em Marselha, o F. C. Porto só não obteve o apuramento em 2015/16, sob o comando de Lopetegui. Nessa temporada, os dragões tinham 10 pontos em quatro jogos, mas perderam com Dínamo de Kiev e Chelsea nas duas últimas jornadas, e ficaram no terceiro lugar do grupo.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG