Ataque ao Mercado

F. C. Porto empresta Chidozie e Benfica renova com Tomás Tavares

F. C. Porto empresta Chidozie e Benfica renova com Tomás Tavares

Dragões e águias continuam a arrumar a casa. Se do lado do F. C. Porto, Chidozie foi emprestado, nos encarnados a prata da casa continua a ser valorizada. Tomás Tavares, que recentemente foi promovido à equipa principal, renovou até 2024.

F. C. Porto: Os dragões emprestaram Chidozie ao Leganés. O central, que também pode atuar como médio defensivo, e que ingressou no F. C. Porto em 2014, parte assim para o terceiro empréstimo consecutivo, sendo que nas últimas épocas representou o Nantes e, mais recentemente, os turcos do Rizespor. Aos 22 anos, esta será a primeira experiência de Chidozie no futebol espanhol.

Benfica: Tomás Tavares, que tinha contrato até 2022 com os encarnados, renovou e passa a estar ligado ao emblema da Luz até 2024. Recorde-se que o lateral, de 18 anos, foi promovido recentemente à equipa principal das águias.

Belenenses SAD: Rui Pedro Soares, presidente da SAD dos azuis, revelou, ao programa Bola Branca, existir um princípio de entendimento com o Benfica para a transferência de Jhonder Cádiz. "Já temos acordo com o Benfica. É um assunto que já tem algumas semanas, mas tivemos que esperar para saber se o Cádiz ficava no plantel do Benfica e, a partir do momento em que soubemos que este ano não ia ficar, o Benfica tem vontade que o Cádiz evolua em Portugal. E nós temos interesse, é verdade. Agora depende do Cádiz, porque entre os dois clubes há acordo, tenho acordo com o presidente do Benfica", disse.

Atlético de Madrid: Afinal, Rodrigo está mais longe do que parece dos colchoneros. Mateu Alemany, diretor-geral do Valência, compareceu perante os meios de comunicação social e pôs tudo em pratos limpos. "Nesta altura não existe nenhuma oferta em cima da mesa por Rodrigo. Entendo perfeitamente a decisão de vender Rodrigo por parte do acionista maioritário. Quem fez uma proposta já não está a fazê-la. E o que parecia ser um acordo acabou por não acontecer. Não tenho nada a ver com isso", afirmou.