Automobilismo

Félix da Costa foi segundo em Marraquexe na Fórmula E

Félix da Costa foi segundo em Marraquexe na Fórmula E

O piloto português António Félix da Costa (DS Techeetah) foi, este sábado, segundo classificado na 10.ª prova do Mundial de Fórmula E, para carros elétricos, disputada em Marraquexe (Marrocos).

O piloto luso, que partiu da pole position, foi ultrapassado pelo suíço Edoardo Mortara (Venturi) logo na fase inicial da corrida (de 45 minutos mais uma volta), não mais conseguindo regressar ao comando.

Félix da Costa terminou a 2,297 segundos do suíço, com o neozelandês Micth Evans (Jaguar) em terceiro, a 6,270 segundos do vencedor.

A corrida de Félix da Costa foi prejudicada, primeiro, por um toque do britânico Oliver Rowland (Mahindra), que lhe fez perder algum tempo e permitiu a Edoardo Mortara ganhar uma vantagem decisiva.

Depois, o piloto português ainda recebeu a indicação da equipa para deixar passar o seu colega, o francês Jean-Eric Vergne (DS Techeetah), que está na luta pelo campeonato.

Contudo, Vergne mostrou-se mais lento do que Félix da Costa, que recebeu novamente a indicação de que poderia voltar a atacar Mortara.

"Senti-me muito rápido todo o fim de semana, obtive a pole position e lutei pela vitória até ao final. Obviamente, o Vergne está na luta do campeonato e, por isso, houve algumas regras de equipa durante a corrida, mas, no final, apostaram em mim para tentar tirar a vitória ao Mortara", começou por explicar o piloto natural de Cascais.

PUB

Félix da Costa sublinhou que, "infelizmente, não foi possível" voltar ao primeiro lugar.

"Dei tudo que tinha, mas ele aguentou bem a pressão. Queria muito ganhar, mas este segundo lugar é um excelente resultado para mim e para a equipa, que tanto tem trabalhado e merece inteiramente este pódio", concluiu.

Com este resultado, o piloto português ascendeu ao sexto lugar do campeonato, com 75 pontos, contra os 139 de Mortara, que é o líder. Vergne é segundo, com 128.

A próxima jornada será uma ronda dupla, em 16 e 17 de julho, em Nova Iorque.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG