Automobilismo

Félix da Costa parte de segundo na corrida do título

Félix da Costa parte de segundo na corrida do título

O português António Félix da Costa (Jota) conseguiu, esta sexta-feira, o segundo tempo na qualificação na categoria de LMP2 para as 8 Horas do Bahrain, sétima e última prova do Mundial de resistência, enquanto Filipe Albuquerque (United Autosports) foi terceiro.

Félix da Costa, que faz equipa com o mexicano Roberto González e com o britânico William Stevens, fez 1.50,467 minutos como melhor registo, sendo apenas superado pelo carro do luso-angolano Rui Andrade (Realtime), juntamente com o francês Norman Nato e com o austríaco Ferdinand von Habsburg (1.50,330).

Já Albuquerque, que faz equipa com o britânico Phil Hanson e com o norte-americano William Owen, registou o terceiro tempo da qualificação, em 1.50,497.

PUB

Félix da Costa chega à última prova do Campeonato do Mundo na liderança da categoria, com 114 pontos, mais 28 do que o norte-americano Joshua Pierson e o britânico Oliver Jarvis e mais 34 do que Andrade, Von Habsburg e Nato, quando estão em disputa 38.

"Temos uma boa vantagem, mas isso não muda em nada a nossa vontade de ganhar a corrida. Sabemos que os nossos rivais vão atacar para vencer, mas a melhor resposta que podemos dar é atacar também, obviamente minimizando riscos desnecessários, mas em termos de andamento puro vamos com tudo este fim-de-semana, para fechar o ano com chave de ouro e trazer este título Mundial para casa", garantiu o piloto de Cascais, citado pelo sua assessoria de Imprensa.

Já Filipe Albuquerque não escondeu que o terceiro lugar na qualificação sabe a pouco: "O nosso carro estava com andamento para chegar à pole, mas cometi um erro, excedi os limites de pista e tive de me contentar com o terceiro lugar. Não gosto de falhar e como tal não estou contente, mas não é de todo um drama o terceiro lugar. Temos oito longas horas de prova pela frente e a performance do carro vai permitir-nos andar bem e lutar por um lugar no pódio", explicou Albuquerque.

As 8 Horas do Bahrain, e os últimos 38 pontos do campeonato, vão ser disputadas este sábado, a partir das 14 horas locais (11 horas em Lisboa).

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG