Desporto

Fernando Santos foi o último treinador de Paulo Bento

Fernando Santos foi o último treinador de Paulo Bento

Fernando Santos, hoje revelado como o novo selecionador português de futebol e sucessor de Paulo Bento no cargo, foi o último treinador da carreira do ex-médio no Sporting, tendo há uma década preferido apostar no "jovem" Custódio.

No arranque da temporada 2003/04, com 34 anos, Paulo Bento era uma dos jogadores mais experientes do plantel "leonino" e habitual titular no lugar de "trinco", mas, com alguma surpresa, acabou por ser relegado para o banco de suplentes.

Depois de uma experiência no campeonato grego, primeiro com o AEK e depois com o Panathinaikos, Fernando Santos regressou a Portugal para comandar os "leões", um casamento que acabou em divórcio no final da temporada, e uma das primeiras medidas foi mesmo o afastamento do médio da equipa titular e a aposta em Custódio, na altura com apenas 20 anos.

Ao todo, durante toda a temporada, Paulo Bento realizou apenas sete jogos como titular e sete com suplente utlizado em todas as competições.

A perda de preponderância na equipa e com 35 anos no bilhete de identidade, no final dessa temporada Paulo Bentos pôs fim à sua carreira de futebolista, numa emocionada conferência de imprensa a 9 de julho em Alcochete, e deu início à sua atividade como treinador dos juniores do Sporting.

O antigo médio somou ao todo 35 internacionalizações pela seleção nacional, incluindo a participação no Euro2000 e no Mundial2002, e passou por clubes como o Futebol Benfica, Estrela Amadora, Vitoria Guimarães, Benfica e Real Oviedo.

Dez anos depois, o caminho de Paulo Bento e Fernando Santos voltam a cruzar, ou quase, desta vez na seleção portuguesa.

Outras Notícias