seleção

Fernando Santos: "Tivemos uma excelente atitude"

Fernando Santos: "Tivemos uma excelente atitude"

O selecionador português de futebol, Fernando Santos, reconheceu que a equipa "entrou mal" no jogo particular com a França mas teve "uma excelente atitude" e "com um pouco de sorte", podia ter empatado.

"Acho que tivemos uma excelente atitude, muito forte mesmo, mas entrámos mal, muito passivos, frente a um adversário que alterou a sua estratégia habitual para jogar em losango, o que seria à partida um encaixe bom para nós, mas não resultou. Os nossos movimentos intermédios de basculação chegaram sempre tarde e eles fizeram o golo muito cedo. Faltou-nos sempre na primeira parte chegada à área, saíamos bem, mas depois não dávamos profundidade ao jogo", declarou Fernando Santos no final da partida com a França, em Paris, que os franceses venceram por 2-1.

"A partir dos 15 minutos passámos a ter bola, a circulá-la melhor, a ser mais rápidos nas transições e ao intervalo disse aos jogadores que tinham de corrigir dois ou três aspetos para criar desestabilização na defesa francesa, nomeadamente sermos mais agressivos na recuperação da bola para a recuperarmos mais depressa e variarmos os flancos", revelou o selecionador.

"Nos primeiros vinte minutos da segunda parte entrámos muito bem, até àquele segundo golo francês, mas uma grande equipa como Portugal não pode ter este tipo de lapsos. Depois desse golo reagimos, fizemos um golo e com um pouco de sorte podíamos ter empatado", acrescentou.

"Os dois golos deles resultaram de erros nossos", frisou. "Com esta atitude vamos dar uma alegria aos portugueses na terça-feira".

Para Ricardo Carvalho, que cumpriu o primeiro jogo após o regresso à equipa das quinas, "a equipa foi ganhando confiança gradualmente e subindo de rendimento ao longo do jogo. Pena o segundo golo ter resultado de uma desconcentração na área, mas a atitude da equipa foi sempre boa".

Ricardo Quaresma, que marcou o golo luso da partida, confessou que "é um orgulho representar Portugal" e que está "muito feliz pela oportunidade".

"Problemas na seleção? Isso são vocês, imprensa, que falam de problemas, mas no grupo todos nos damos muito bem", concluiu.

Outras Notícias

Outros Conteúdos GMG