Exclusivo

Foi há 10 anos que a Académica chegou ao topo do futebol português

Foi há 10 anos que a Académica chegou ao topo do futebol português

Todos os clubes de futebol têm dias marcantes na sua história. Na Académica, foi 20 de maio de 2012, quando bateu o Sporting por 1-0 para conquistar a Taça de Portugal. Dez anos depois, o clube está noutra posição. Confirmou esta época a descida para a Liga 3, algo que nunca tinha acontecido, e o ambiente vivido em Coimbra é completamente diferente.

Com craques como Cedric Soares e Adrien Silva, a Académica de Coimbra, um clube histórico no futebol português, encheu os adeptos de orgulho com a conquista da Taça de Portugal. Foi o segundo troféu da história, depois de ter vencido a prova em 1938/39 e foi a definição da "festa da taça": uma equipa pequena a derrubar o gigante na final, o culminar de um bom projeto que mantinha a briosa como uma equipa consistente no campeonato português.

No entanto, após a vitória o clube entrou num declínio gradual, que culminou, no fim da época 2015/16, na descida de divisão. Parecia algo temporário, dar um passo atrás para depois dar dois em frente, com o regresso de um projeto bem sustentado, à medida do calibre da Académica. Porém, esse regresso nunca aconteceu. O melhor que os estudantes conseguiram na Liga 2 foi um quarto lugar e o declínio continuou. Na presente temporada, confirmaram a descida à Liga 3, algo que nunca tinha acontecido e que foi um verdadeiro choque para os adeptos com mais esperança.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG