Jamor

Desentendimento no Belenenses - F. C. Porto teve registo policial

Desentendimento no Belenenses - F. C. Porto teve registo policial

Conceição desentendeu-se com Pedro Ribeiro, técnico do Belenenses SAD, ao intervalo do jogo. Dragões e PSP negam que tenha havido uma agressão.

O jogo de domingo com o Belenenses SAD, realizado no Estádio Nacional, ficou marcado, ao intervalo, por um desentendimento entre os dois treinadores e durante o dia de ontem circulou a informação de que Sérgio Conceição teria mesmo agredido Pedro Ribeiro no queixo. Contactada pelo JN, fonte da PSP confirmou que houve uma "altercação no túnel de acesso aos balneários" e que foi elaborada uma "participação policial com enunciação das pessoas envolvidas", mas sem que tenham sido comunicadas "agressões ou outros factos de relevo".

Ao fim da noite, o F. C. Porto, através de uma publicação na rede social Twitter do diretor de Comunicação, Francisco J. Marques, abordou o sucedido. "Este folclore só serve para desviar as atenções do pântano em que transformaram o futebol português, mas, a bem da verdade, importa dizer que Sérgio Conceição não foi identificado pela polícia ou por quem quer que seja, ontem [anteontem], no Jamor", escreveu o diretor portista, com uma farpa ao Benfica e aos acontecimentos verificados numa recente assembleia-geral do clube da Luz: "Obviamente, não houve agressões, socos, não voaram cadeiras, nem ninguém apertou o pescoço a ninguém".

Contactada pelo nosso jornal, fonte do Belenenses não confirmou, nem desmentiu, a existência de qualquer agressão, tal como já tinha acontecido com o treinador Pedro Ribeiro, na conferência de imprensa que se seguiu à partida de anteontem à noite.

Como geralmente acontece às terças-feiras, a Liga de Clubes divulgará hoje o mapa de castigos relativo à jornada do fim de semana e trará mais luz sobre o sucedido no Jamor.

Feyenoord vai ter adeptos na decisão do grupo no Dragão

Afinal, o Feyenoord terá adeptos a apoiá-lo, depois de amanhã, no Estádio do Dragão, em jogo decisivo no apuramento para os 16 avos de final da Liga Europa. Recorde-se que, no último mês, a UEFA aplicou um castigo ao clube holandês, que o proibia de vender bilhetes para esse duelo com o F. C. Porto, devido ao mau comportamento dos adeptos em Berna, casa do Young Boys. O Feyenoord apresentou recurso e a pena foi suspensa durante um ano. Apesar disso, o adversário portista continua obrigado a pagar uma multa de 55 mil euros.

Dupla mais perto

De volta ao Olival, Sérgio Conceição ainda não contou ontem com Baró e Aboubakar, mas os dois lesionados do plantel portista já fizeram treino condicionado, no início da preparação para o jogo com o Feyenoord. A recuperação do jovem médio e do avançado camaronês está à distância de poucos dias.

Contas europeias

Para ter a certeza de que é apurado para a fase a eliminar da Liga Europa, o F. C. Porto tem de ganhar ao Feyenoord. Um empate só chega se o Young Boys não vencer no outro jogo o Rangers, em Glasgow. Uma derrota elimina os dragões e deixaria os holandeses com hipóteses.

Outras Notícias

Outros Conteúdos GMG