Futebol

Francisco J. Marques: "Só deixam de ser claques quando implica o Benfica"

Francisco J. Marques: "Só deixam de ser claques quando implica o Benfica"

O diretor de comunicação do F. C. Porto criticou a presença de Luís Filipe Vieira no aniversário dos Diabos Vermelhos e negou a chegada de Gustavo Henrique ao F. C. Porto.

Luís Filipe Vieira e dois jogadores do Benfica estiveram, domingo, no aniversário da claque Diabos Vermelhos. Francisco J. Marques considera que a presença do líder dos encarnados só prova que o clube da luz "pode fazer o que quer".

"Podem fazer o que querem. É contra isso que temos de continuar a denunciar estas coisas e esta pouca vergonha. Recordo-me que, há duas épocas, o então treinador do Benfica, Rui Vitória, felicitou os No Name Boys pelo aniversário. E o Luís Filipe Vieira foi a esta festa de aniversário. Se falarmos com qualquer pessoa do Benfica, tudo lhes chama claque. Só deixa de o ser em coisas que implicam o Benfica", começou por dizer o diretor de comunicação do F. C. Porto ao programa "Universo Porto da Bancada", criticando as autoridades.

"É à frente de toda a gente e de todas as autoridades, que não fazem nada ou fazem e não tem feito. E só se vê o F. C. Porto a reclamar. Toda a gente parece aceitar isto. É inaceitável. Quem fica verdadeiramente mal são aqueles que aceitam este tipo de coisas. E sucessivamente recebem coisas que só as claques recebem. Todos nos lembramos que, numa semana de uma Supertaça, responsáveis do Benfica ajudaram a por faixas. E só claques é que podem por faixas. Há um apoio logístico muito sério. No apoio judicial, no célebre caso de julgamento dos No Name Boys, em que ficou demonstrado o apoio do Benfica no pagamento de advogados", acrescentou, relembrando o caso de Marco Ficini, adepto do Sporting atropelado mortalmente junto ao Estádio da Luz.

"O caso de Alcochete, que é grave, aconteceu há mais de um ano e está em julgamento. O outro [Marco Ficini] não se sabe quando vai ser. E estamos a falar de uma pessoa que está acusada de assassinar alguém e que está em liberdade. O Sporting retirou os apoios às claques. Será que as autoridades vão atuar da mesma maneira em relação às claques não reconhecidas do Sporting e do Benfica? suspeita-me que vamos ter surpresas e benefícios ao Benfica. O João Paulo Rebelo deverá estar mais preocupado na transformação de Portugal nos desportos de inverno", atirou.

Francisco J. Marques negou, ainda, a chegada de um reforço ao F. C. Porto: "Gustavo Henrique não interessa ao F. C. Porto nem vai ser jogador do F. C. Porto".