Desporto

Futsal: Fúria espanhola dita leis

Futsal: Fúria espanhola dita leis

Portugal perdeu a final do Campeonato da Europa, na Hungria, frente à Espanha.

Portugal viu o sonho ser desfeito pela poderosa selecção espanhola, ao perder, por 4-2, na final do Campeonato da Europa, na Hungria. Os lusos nunca se deram por vencidos e estiveram perto de chegar ao empate, num jogo que teve um final de emoções fortes.

A tradição manteve-se. Portugal voltou a não conseguir vencer a poderosa selecção espanhola e viu o sonho de conquistar o ceptro europeu desfeito. Num jogo em que o pragmatismo dos espanhóis fez toda a diferença, a formação comandada por Orlando Duarte pagou caro, muito caro mesmo, os erros defensivos.

Se o golo de Javi Rodriguez, o segundo espanhol, foi uma autêntica obra-prima, os de Ortiz e Lin nasceram de falhas defensivas da selecção nacional. A desvantagem de três golos fez com que Portugal tivesse de arriscar tudo na parte final do jogo, com a colocação de Israel como guarda-redes volante. Gonçalo Alves e Joel Queirós, que se sagrou o melhor marcador do Europeu, com cinco golos, reduziram a desvantagem para a diferença mínima, a pouco mais de um minuto do fim, reacendendo a esperança que era possível chegar ao empate.

Porém, numa fase em que Portugal dava o tudo por tudo, Daniel acabou com o sonho luso, selando a conquista do pentacampeonato de uma equipa que, nos últimos cinco anos, não sabe o que é perder no tempo regulamentar.

No jogo de apuramento para o último lugar do pódio, a República Checa conquistou a medalha de bronze, ao vencer o Azerbaijão, por 5-3.

Portugal 2

Espanha 4

Local: Fönix Arena, em Debrecen,

na Hungria

Árbitros: Massimo Cumbo (Itália) e Gabor Kovacs (Hungria)

Portugal: Bebé; Gonçalo Alves (1), Pedro Costa, Pedro Cary e Arnaldo -cinco inicial - João Matos, Cardinal, Leitão, Israel, Evandro e Joel Queirós (1).

Treinador: Orlando Duarte.

Espanha: Luís Amado; Kike, Álvaro, Borja e Javi Rodríguez (1) -cinco inicial - Daniel (1), Torras, Fernandão, Ortiz (1), Juanra e Lin (1).

Treinador: José Venancio López.

Ao intervalo: 0-2

Outras Notícias

Outros Conteúdos GMG