04.11.2018

Corrida

Maratona do Porto: novo recorde batido e 40% de participantes estrangeiros

Maratona do Porto: novo recorde batido e 40% de participantes estrangeiros

Os atletas africanos dominaram, este domingo, a 15.ª edição da maratona do Porto, vencida pelo ugandês Robert Chemonges, que estabeleceu um novo recorde. Ao todo, inscreveram-se na corrida 16 mil pessoas, de 75 nacionalidades, sendo que 41% dos inscritos eram estrangeiros.

Chemonges estabeleceu um novo máximo para os 42,195 quilómetros da prova, com o tempo de 2:09.05 horas, batendo por 46 segundos o anterior máximo, que pertencia ao queniano Philemoh Baaru, de 2:09.51, obtido em 2011.

O atleta do Uganda impôs-se a Oliver Irabaruta, do Burundi (2:09.48 horas - tempo inferior ao anterior recorde da prova) e ao etíope Fikadu Kebede (2:10.41), segundo e terceiro classificados, respetivamente.

José Sousa e Rosa Madureira foram os melhores portugueses

José Sousa, com o tempo de 2:19,25 horas, foi o melhor português, no oitavo lugar, seguido do sportinguista José Moreira, nono colocado, com 2:19.43, enquanto Carlos Costa, do CD. S. Salvador do Campo, completou a maratona com o tempo 2:19.48.

O pódio feminino teve igualmente três africanas: a etíope Abeba-Tekulu Gebremeskel, vencedora, com o tempo de 2:30.13 horas, à frente da compatriota Meskerem Abera Hunde, com 2:33.50, e da atleta do Burundi Elvanie Nimbona, com 2:44.24.

Rosa Madureira chegou em quarto lugar, com o tempo de 2:50.06 horas, cotando-se como a melhor portuguesa, à frente de Lídia Pereira (GDR da Gandra) e de Fernanda Carneiro (Chaves Running Team), que fizeram a prova em 3:01.47 e 3:09.01, respetivamente.

Além dos 42,195 quilómetros da principal prova, o evento contou também com uma corrida de 15 quilómetros e uma caminhada de seis quilómetros destinada a todas as classes etárias e sem fins competitivos.

De acordo com a organização inscreveram-se cerca de 16 mil pessoas de 75 nacionalidades (41% dos inscritos são atletas internacionais) nas três provas, sendo que a vertente de maior distância conta com cerca de seis mil participantes.

A 15.ª edição da maratona do Porto, que tem uma vertente social, com parte do dinheiro angariado a reverter a favor da Associação Portuguesa de Osteoporose, percorre artérias de três concelhos: Porto, Matosinhos e Vila Nova de Gaia.

Masculinos:

1. Robert Chemonges (Uganda), 2:09.05 horas.

2. Oliver Irabaruta (Burundi), 2:09.48.

3. Fikadu Kebede (Etiópia), 2:10.41.

4. Jackson Kibet Limo (Quénia), 2:12.19.

5. Abraham Girma (Etiópia), 2:12.46.

6. Richard Limo (Quénia), 2:15.06.

7.Kibrom Weldemicael (Eritreia), 2:16.28.

8. José Sousa (Portugal), 2:19.25.

9. José Moreira (Portugal), 2:19.43.

10. Carlos Costa (Portugal), 2:19.48.

Femininos:

1. Abeba-Tekulu Gebremeskel (Etiópia), 2:30.13 horas.

2. Meskerem Abera Hunde (Etiópia), 2:33.50.

3. Elvanie Nimbona (Burundi), 2:44.24.

4. Rosa Madureira (Portugal), 2:50.06.

5. Lídia Pereira (Portugal), 3:01.47.

6. Fernanda Carneiro (Portugal), 3:09.01.

7.Susana Vilela (Portugal), 3:09.58.

8. Paula Lage (Portugal), 3:10.37.

9. Patrícia Marto Carreira (Portugal), 3:14.06.

10. Elwis Le Bobinnec (França), 3:14.11.

ver mais vídeos