O Jogo ao Vivo

Volta a França

Geraint Thomas rei do Alpe d'Huez

Geraint Thomas rei do Alpe d'Huez

O britânico Geraint Thomas (Sky) manteve e reforçou esta quinta-feira a liderança da Volta a França em bicicleta, ao vencer a 12.ª etapa, entre Bourg-Saint-Maurice e Alpe d'Huez.

No final dos 175,5 quilómetros, Thomas repetiu a vitória de quarta-feira, em 5:18.37 horas, menos dois segundos do que o holandês Tom Dumoulin (Sunweb) e três do que o francês Romain Bardet (AG2R La Mondiale), segundo e terceiro classificados na etapa, respetivamente.

Na geral, Thomas tem 1.38 minutos de avanço sobre o compatriota e companheiro de equipa Chris Froome e 1.50 sobre Dumoulin.

Na mais dura etapa do Tour, na qual os cilistas tinham de passar três contagens de montanha de categoria especial, registou-se, ainda, a desistência, entre outros, do colombiano Fernando Gaviria (QuickStep-Floors) e do belga Dylan Groenewegen (LottoNL-Jumbo), que tinham vencido duas etapas.

A dureza da etapa rainha do Tour foi muito complicada para os sprinters e Gaviria e Groenewegen, que tinham dividido com o eslovaco Peter Sagan (Bora-hansgrohe) as vitórias nas etapas mais planas, foram as duas principais vítimas.

Também o alemão Andre Greipel (Lotto-Soudal) abandonou a corrida, depois de o compatriota Marcel Kittel (Katusha-Alpecin) e de o britânico Mark Cavendish (Dimension Data) terem chegado fora do controlo na etapa de quarta-feira.

Estas desistências deixam Peter Sagan mais perto de garantir a sexta camisola verde (por pontos) no Tour, uma vez que Gaviria e Groenewegen eram os mais diretos perseguidores do sprinter eslovaco.

Nesta sexta-feira, a 13.ª etapa vai ligar Bourg d'Oisans a Valence, num percurso de 169,5 quilómetros.