Espanha

Gestifute defende Cristiano Ronaldo

Gestifute defende Cristiano Ronaldo

A empresa de Jorge Mendes diz que apenas há uma queixa contra o jogador português e não uma ação judicial.

A Gestifute, empresa detida por Jorge Mendes, saiu em defesa de Cristiano Ronaldo no caso de alegada fraude fiscal.

Em comunicado, a Gestifute diz não existir "qualquer tipo de esquema fiscal montado" e adianta que "o Ministério Público espanhol apresentou hoje uma queixa contra Cristiano Ronaldo e não uma ação judicial, a que é substancialmente diferente".

A empresa de Jorge Mendes, empresário do jogador, acrescenta que "a maior parte dos rendimentos em questão foi obtida diretamente pelo jogador sem a participação de qualquer sociedade", negando a existência de "uma estrutura de paraíso fiscal".

"O jogador declara à Autoridade Tributária espanhola 100% da parte imputável a Espanha das receitas da Tollin e dos seus direitos de imagem durante os períodos 2009-2014 e 2015-2020, valorizando-a de acordo com os critérios fixados pela Autoridade Tributária do Reino Unido para determinar qual a parte das receitas por cedência dos direitos de imagem originada naquele país, o que revela que não tinha intenção de cometer fraude".