Vitória - Gil Vicente

Galo cantou e subiu degraus no poleiro

Galo cantou e subiu degraus no poleiro

Expulsão de Mumin facilitou tarefa dos gilistas, que deram um salto na tabela. Vitória fica mais distante do objetivo

O Gil Vicente deixou os lugares de descida e ascendeu ao 13.ºlugar da Liga, após triunfo, por 4-2, no reduto do Vitória de Guimarães, em jogo da 23ª jornada. Os vitorianos colecionaram nova derrota caseira, a sexta da época, e permanecem distantes do quinto lugar, ocupado pelo Paços de Ferreira.

Os gilistas tiveram uma entrada competente e desde cedo criaram perigo junto da baliza vimaranense, diante um Vitória atordoado e com uma sequência de erros infantis que contribuíram para o desfecho final.

Já sem Mumin, expulso ao minuto 15, o Gil Vicente beneficiou da desorientação local e aproveitou as fatalidades cometidas pelo setor defensivo vitoriano para colecionar golos. Rochinha, o mais inconformado, marcou e tentou com várias investidas conduzir a equipa para um melhor resultado, mas sem o acompanhamento necessário.

Com Mikel Agu e Ruben Lameiras no onze, o Vitória apareceu transfigurado no segundo tempo e a inferioridade numérica não se fez sentir. O golo de Lameiras deu novo fôlego, mas os festejos foram de curta duração. Lucas Mineiro apareceu solto e colocou o marcador novamente nos dois golos de diferença. Os vitorianos ainda dispuseram de nova ocasião, mas André André, num penálti, permitiu a defesa a Denis.

Veja o resumo do jogo:

PUB

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG