NBA

Grizzlies vencem depois de estarem a perder por 26 pontos

Grizzlies vencem depois de estarem a perder por 26 pontos

Os Memphis Grizzlies venceram o terceiro jogo da primeira ronda dos playoffs, contra os Minnesota Timberwolves, após estarem a perder por 26 pontos. Dallas Mavericks, sem Doncic, derrotou Utah Jazz.

A equipa liderada pela estrela em ascensão, Ja Morant, foi a grande surpresa da noite ao bater os Minnesota Timberwolves (104-95), conquistando, pela primeira vez, vantagem na série.

A entrada da equipa de Memphis não podia ser pior, pois esteve a perder por 12 pontos, sem ter conseguido concretizar qualquer cesto, devido a um forte início dos adversários. A equipa liderada por Karl Anthony Towns esteve a vencer durante quase toda a partida, mas o último quarto foi letal para os homens de Minnesota, que deixaram fugir uma vantagem de 23 pontos (e após estarem com 26 pontos à frente numa fase inicial da partida), à entrada para o período final, mostrando muito desacerto e precipitação na definição dos lances.

O destaque do encontro foi Desmond Bane (Grizzlies), que impulsionou a equipa com 26 pontos, seis ressaltos e duas assistências. Já Morant também teve um papel preponderante, tendo registado um triplo-duplo (16 pontos, 10 ressaltos e 10 assistências).

Assim, Memphis passa para frente da série (2-1), pela primeira vez na ronda.

No Utah, a grande surpresa foi mesmo a equipa dos Dallas Mavericks que, mesmo sem a estrela, Luka Doncic, conseguiu uma impressionante vitória (126-118), contra os candidatos ao título, Utah Jazz.

PUB

Embora Donovan Mitchell, um dos melhores jogadores da NBA, tenha somado 32 pontos, a equipa de Dallas mostrou-se bastante sólida durante todo o encontro e teve em Jalen Brunson a figura, com 31 pontos e cinco assistências.

Assim, os Mavericks passam para a frente da eliminatória, para surpresa de muitos amantes do basquetebol (2-1).

No último jogo da noite, os Golden State Warriors, de Steph Curry, puseram-se numa fantástica posição para passar à fase seguinte, com a vitória sobre os Denver Nuggets, de Nikola Jokic, num jogo marcado pelo equilíbrio (118-113), que vale à equipa de California uma vantagem de 3-0 e obriga os adversários a ter de vencer quatro jogos seguidos para avançar.

Jokic esteve ao nível habitual, com 37 pontos, 18 ressaltos e 5 assistências, mas a equipa não acompanhou o ritmo do jogador sérvio e colocou-se numa posição muito complicada.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG