Inglaterra

Haaland arrasa no City e Fábio Carvalho salva Liverpool

Haaland arrasa no City e Fábio Carvalho salva Liverpool

O Manchester City goleou o Nottingham Forest, por 6-0, em jogo da quinta jornada da Liga inglesa, com Erling Haaland a fazer o segundo "hat-trick" consecutivo e o internacional português João Cancelo a assinar um grande golo, a passe de Bernardo Silva. O Arsenal continua no topo com um pleno de vitórias e o Liverpool só respirou de alívio aos 90+8 minutos quando o português Fábio Carvalho deu o triunfo à equipa de Jurgen Klopp.

O avançado norueguês, contratado ao Borussia Dortmund, só precisou de 38 minutos para decidir o encontro com o Nottingham e já leva qualquer coisa como nove golos em cinco jogos na Premier League, com o Estádio Ethiad a voltar a levantar-se ao minuto 50 para aplaudir o grande golo de Cancelo. O City continua, assim, a dois pontos do líder Arsenal, que teve de sofrer para se desembaraçar do Aston Villa.

Com Fábio Vieira no banco de suplentes - o médio ofensivo voltou a não ser opção para Mikel Arteta -, Gabriel Jesus deu vantagem aos "gunners", mas Douglas Luiz empatou com um canto direto e foi preciso esperar até ao minuto 77 para ver Martinelli garantir os três pontos.

PUB

A emoção foi ainda maior em Anfield Road, onde o Liverpool voltou a mostrar as dificuldades que têm sentido neste início de campanha e apenas a muito custo não ficou a dez pontos do Arsenal e a oito do City.

Isak adiantou o Newcastle aos 38 minutos da primeira parte, com os reds a chegaram ao empate na segunda, numa bela assistência de Salah para o golo de Roberto Firmino. Ainda com muitas ausências - Darwin Núñez castigado e Diogo Jota lesionado, por exemplo -, Jurgen Klopp lançou Fábio Carvalho aos 71 minutos e a aposta dificilmente poderia ter corrido melhor.

O português que o Liverpool contratou ao Fulham estava no sítio certo para, aos 90+8 minutos, garantir a reviravolta e um pouco de paz de espírito para os adeptos dos "reds".

Mais um empate de Lage

Quem continua sem ganhar na Premier League é o Wolverhampton. A equipa treinada por Bruno Lage entrou no terreno do Bournemouth com sete portugueses no onze inicial - José Sá, Nélson Semedo, Matheus Nunes, Rúben Neves, João Moutinho, Pedro Neto e Gonçalo Guedes -, e Podence na segunda parte, mas não foi além de um nulo. É o terceiro empate em cinco jogos do Wolves.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG