Espanha

"Hat-trick" de Ronaldo na vitória que deixa Barcelona a 10 pontos

"Hat-trick" de Ronaldo na vitória que deixa Barcelona a 10 pontos

O Real Madrid recebeu e venceu, domingo, o Levante, por 4-2, em encontro da 23ª jornada da Liga espanhola de futebol, com um "hat-trick" de Cristiano Ronaldo, ampliando para 10 pontos a vantagem sobre o FC Barcelona.

Os três golos de Cristiano Ronaldo permitem-lhe solidificar a liderança dos melhores marcadores, somando agora 27, mais quatro do que o rival argentino Lionel Messi, autor de 23.

Além disso, o terceiro golo do jogador português, um golo de "levantar" o estádio, na sequência de um remate de fora da área em que a bola descreveu uma trajectória invulgar, subindo muito e descendo abruptamente antes de entrar na baliza, constituiu o golo número 4000 do Real Madrid, no Santiago Bernabéu, em competições oficiais.

A equipa "merengue" aproveitou o deslize do rival da Catalunha, que perdeu por 3-2 na deslocação a Pamplona, frente ao Osasuna, para aumentar a vantagem pontual e dar mais um passo rumo à conquista do título.

No entanto, não foi um triunfo fácil para o Real Madrid, que começou o jogo praticamente a perder, depois do defesa argentino Gustavo Cabral ter inaugurado o marcador, logo aos cinco minutos, de cabeça, na sequência de um livre.

Após o golo, o Levante colocou literalmente o "autocarro" à frente da sua baliza, defendendo com 10 homens e deixando apenas na frente o marfinense Aruna Koné, na tentativa de suster a "avalanche" ofensiva do Real, que só em cima do intervalo conseguiu igualar, através de um penalti executado por Cristiano Ronaldo.

O médio espanhol Vicente Iborra "borrou a pintura" ao tocar uma bola "bombeada" com o braço dentro da área, na tentativa de evitar que Benzema a dominasse, provocando não só a respectiva grande penalidade como, também, a sua expulsão, por acumulação de amarelos.

Este minuto 45 foi determinante no desfecho do jogo, facilitando a tarefa ao Real Madrid, mas foi preciso Cristiano Ronaldo "abrir o livro", primeiro num cabeceamento à entrada da pequena área, acorrendo a um cruzamento de Higuaín, aos 50 minutos, e depois num lance de génio, pegando na bola para disparar um "míssil", que só parou nas malhas da baliza.

O Levante, num lance de contra-ataque, contra a corrente do jogo, ainda reduziu para 3-2, por Koné, mas Benzema fechou a contagem e deu o "xeque-mate" no adversário, aos 66 minutos, após uma assistência de Cristiano Ronaldo, cujo nome foi cantado em uníssono pela multidão durante o jogo.

Num dos jogos hoje disputados, da 23ª jornada, o "lanterna vermelha" Saragoça protagonizou a surpresa da jornada ao vencer no terreno do Espanyol, quinto classificado, com os mesmos pontos do quarto, o Levante, por 2-0.

Para a vitória do Saragoça contribuíram os portugueses Hélder Postiga, que foi titular e cedeu o seu lugar a Juan Carlos, aos 85 minutos, e Rúben Micael que começou o jogo no "banco" e foi lançado em campo aos 61 minutos, a render Luís Garcia.

Na baliza do Saragoça esteve o ex-guarda-redes do Benfica, Roberto, que manteve, desta vez, a sua baliza inviolável, ele que é o segundo guarda-redes mais batido do campeonato espanhol, com 38 golos sofridos.

Os golos do Saragoça foram marcados aos 55 minutos, pelo defesa paraguaio Paulo da Silva, e pelo médio Juan Carlos, já em período de compensações, aos 90+3.

Do lado do Espanyol, alinhou outro jogador português, o avançado Rui Fonte, que entrou em campo aos 72 minutos, a substituir o atacante nigeriano Kalu Uche.

Nos outros jogos de hoje, o Málaga, nono classificado, recebeu e venceu o Maiorca, 14º, por 3-1, enquanto a equipa do Rayo Vallecano (13º) bateu em casa o Getafe (10º) por 2-0.

O terceiro da tabela classificativa, o Valência, goleou o Sporting de Gijón, no Mestalla, por 4-0, ao passo que o Villarreal venceu na recepção ao Granada por 3-1, com o terceiro golo do "submarino amarelo" a ter assinatura do guarda-redes emprestado pelo Benfica, Júlio César, que na sequência de um cruzamento, ao pretender socar a bola, introduziu-a na própria baliza, num lance invulgar.

Pela equipa do Granada alinharam ainda o internacional português Carlos Martins, no eixo do meio-campo, e o argentino emprestado pelo Benfica, Jara, que jogaram os 90 minutos.

A 23ª jornada abriu no sábado, com três jogos, entre eles o Osasuna-FC Barcelona que proporcionou uma surpresa com a vitória dos locais sobre a equipa catalã por 3-2, o Racing Santander-Atlético de Madrid, que terminou com um nulo, e o Bétis-Athletic de Bilbau, vencido pelos andaluzes por 2-1.

A jornada fecha na segunda-feira, com a partida Real Sociedad-Sevilha, a partir das 20 horas.

Outras Notícias

Outros Conteúdos GMG