Desporto

Hulk mostra serviço na vitória do Brasil frente ao Egito

Hulk mostra serviço na vitória do Brasil frente ao Egito

A seleção brasileira entrou a vencer nos Jogos Olímpicos, ao derrotar o Egipto, por 3-2. Hulk foi titular e fez uma assistência.

Em Cardiff, Hulk confirmou o estatuto de uma das principais estrelas da seleção olímpica brasileira. O avançado do F. C. Porto jogou durante 71 minutos, antes de ser rendido por Ganso, e teve participação direta na vitória do escrete diante da seleção egípcia. Fez a assistência para o último golo da canarinha, ao meter a bola na cabeça de Neymar. Antes, Rafael e Leandro Damião contribuíram para a marcha do marcador.

Hulk teve oportunidades para fazer o seu quarto golo ao serviço da seleção, mas desperdiçou na hora do remate. Mostrou um bom entendimento com Neymar, outro dos craques desta equipa orientada por Mano Menezes.

Ao chegar a vencer ao intervalo por 3-0 (três golos em meia hora), pensou-se que o Brasil conseguisse uma goleada à moda antiga, mas a equipa caiu de produção no segundo tempo, acomodada pela vantagem no marcador e pelas fragilidades defensivas dos egípcios.

Em pouco tempo, o adversário marcou dois golos: Aboutrika (51) reduziu e Salah (75) fez o 3-2 final, obrigando o escrete a terminar o desafio com o coração nas mãos.

Ao 77 minutos, o portista Danilo rendeu Sandro, enquanto Alex Sandro, outro jogador dos dragões, não saiu do banco de suplentes.