O Jogo ao Vivo

Desporto

Adeptos do Sporting insultam jogadores após derrota com Rio Ave

Adeptos do Sporting insultam jogadores após derrota com Rio Ave

Godinho Lopes, líder do Sporting, escapou à contestação dos adeptos do leão, que se concentraram no exterior do Estádio dos Arcos. O dirigente saiu por uma porta alternativa, mas, após o final do jogo, em que a equipa perdeu por 3-0, os jogadores não se livraram de ser insultados por dezenas de sportinguistas. "Palhaços joguem à bola" foi a frase mais ouvida.

O Sporting somou este sábado mais uma derrota, a oitava da época, desta feita, na segunda jornada da taça da Liga. Os leões perderam em casa do Rio Ave (3-0) e nunca deram sinais de poder, sequer, discutir o resultado de igual para igual com os vilacondenses. Obadeyi, Tarantini e Hassan fizeram os golos

Desde os primeiros minutos, só o Rio Ave mostrou apetência e capacidade para atacar, ao passo que o Sporting, com Adrien a ser a principal novidade no onze, se mostrava demasiado lento, desconexo e sem chama. A primeira contrariedade surgiu com a lesão de Cedric, que teve de ser substituído ainda no primeiro tempo, por Eric Dier.

Mas precisamente o inglês haveria de ser expulso, ainda antes do intervalo, complicando mais a tarefa leonina, que até então apenas tinha um remate por Ricardo Esgaio. Já no polo oposto, Rui Patrício continuava a ser o abono de família, defendendo tudo o que lhe era solicitado.

No segundo tempo, o Rio Ave surgiu ainda mais mandão, muito pela superioridade numérica, e acabou naturalmente por chegar ao golo por Obadeyi. Os leões estavam sem capacidade para reagir e, 10 minutos volvidos, aos 65, Tarantini fez o segundo, aproveitando a passividade da defesa verde e branca.

A equipa de Vercauteren ainda reagiu, mas apenas através de um livre criou algum perigo e acabou por sofrer o terceiro, já nos descontos, por Hassan. O Sporting depende agora do resultado de terceiros para seguir em frente na prova.