Marítimo

Após cirurgia, Joel Tagueu diz que vai voltar a jogar futebol

Após cirurgia, Joel Tagueu diz que vai voltar a jogar futebol

O avançado camaronês foi afastado da CAN devido a um problema cardíaco com risco de morte súbita, mas garante que depois de ser operado estará de volta aos relvados em "três ou quatro meses".

Joel Tagueu, avançado do Marítimo que foi afastado da equipa dos Camarões, que está a disputar a Taça das Nações Africanas (CAN), devido a problemas cardíacos, desdramatizou o problema cardíaco que lhe foi diagnosticado e diz que vai voltar a jogar futebol.

"Estou aqui para tranquilizar as pessoas, para explicar o que aconteceu. Fizemos uma bateria de exames antes da CAN e fui diagnosticado com uma alteração na artéria coronária. Isso tem cura, tem como remediar. Nasci com isto, então o médico já me deixou mais tranquilo. É uma cirurgia tranquila e depois de a fazer, 3 a 4 meses já posso voltar a fazer aquilo que mais amo. Quero agradecer a todos os que mandaram mensagens de apoio, obrigado e à família que está ao meu lado e a Deus, por ter descoberto que tenho um problema", disse o avançado, através de um pequeno vídeo publicado no Instagram esta terça-feira.

Recorde-se que o futebolista, de 25 anos, foi afastado da seleção dos Camarões na sequência de uma anomalia na artéria coronária, que, de acordo com um comunicado da federação camaronesa, não lhe garante "possibilidade de zero no risco de morte súbita sobre o terreno de jogo".

A hipótese de Joel terminar a carreira chegou a ser colocada, mas agora o jogador adianta que vai voltar a jogar.