Liga dos Campeões

Autoridades suíças abrem inquérito a confrontos com adeptos do Benfica

Autoridades suíças abrem inquérito a confrontos com adeptos do Benfica

O Ministério Público Suíço averigua os confrontos ocorridos antes, durante e depois do jogo Basileia-Benfica, da Liga dos Campeões, a 27 de setembro último.

Segundo o jornal, Basler Zeitung, editado em Basileia, as autoridades suíças decidiram abrir inquérito após a divulgação de um vídeo no Youtube com imagens dos confrontos envolvendo adeptos do Benfica e também do Hajduk Split.

"Suspeitamos que há uma amizade muito grande entre os adeptos do Benfica e do Hajduk Split. Por isso havia tantos croatas neste jogo. Só por milagre não houve ninguém gravemente ferido", disse Peter Gil, da Agência Federal da Justiça em Basileia, citado pelo jornal 20 Minuten.

Segundo a imprensa helvética, o jogo da segunda jornada da Liga dos Campeões saldou-se pela detenção e identificação de 59 adeptos por envolvimento em confrontos julgados muito violentos. Entre os detidos, 32 croatas e 21 portugueses, com idades compreendidas entre os 17 e 42 anos.

Além, das autoridades suíças, também a UEFA está a investigar os confrontos verificados no Estádio Saint-Jackob.

Conteúdo Patrocinado