Futebol

Bruno Fernandes: "Estive perto de desistir"

Bruno Fernandes: "Estive perto de desistir"

Bruno Fernandes recordou, esta segunda-feira, os tempos em que viveu em Itália antes de assinar pelo Sporting afirmando ter estado perto de desistir do futebol.

Imprescindível no Sporting e a fazer uma época com direito a feito histórico - tornou-se, com 28 golos, o médio mais goleador de sempre numa só época -, Bruno Fernandes recordou esta segunda-feira os primeiros anos de carreira em Itália, antes de assinar pelo Sporting. O camisola oito dos leões passou pelo Novara, Udinese e Sampdoria, revelando que esteve para desistir do futebol.

"O Novara foi a minha primeira aventura. Estive um ano sozinho, a Ana [companheira] e os meus pais iam-me visitando, mas os primeiros tempos foram muito difíceis. O apoio dela e da minha família foi muito importante. Estive perto de desistir, porque ir para um país novo, completamente sozinho, não perceber a língua, estar enfiado numa Academia... Foi muito difícil", começou por dizer Bruno Fernandes em entrevista ao "Você na TV", revelando uma superstição antes de cada encontro.

"Gosto de ligar à Ana para falar com a minha filha Matilde, para ver o sorriso dela e o beijinho que me manda sempre. No dérbi da Taça [frente ao Benfica, em Alvalade], disse-me 'dois golos, dois golos' e eu prometi-lhe que ia marcar dois golos. Quando saí do jogo, no parque de estacionamento, perguntei-lhe se tinha visto o golo e ela disse: 'sim, mas eram dois'. Ela lembrou-se disso, eu achei engraçado", contou.