Desporto

Canadiana Sarah Burke morre nove dias após acidente de ski

Canadiana Sarah Burke morre nove dias após acidente de ski

A esquiadora canadiana Sarah Burke, vítima de um acidente nos treinos há nove dias, em Park City, no estado norte-americano do Utah, morreu, quinta-feira, em sequência das várias hemorragias internas sofridas. O vídeo contém imagens que podem ferir susceptibilidades.

A atleta, tetracampeã de "freestyle" (estilo livre) nos "X Games", tinha 29 anos e era considerada a favorita para a prova de "Superpipe" (Supertubo) dos próximos Jogos Olímpicos de Inverno, Sochi2014, na Rússia.

A esquiadora caiu desamparada quando praticava a modalidade, uma queda que provocou a rotura da artéria vertebral, originando diversas hemorragias, designadamente no crânio.

Embora tenha sido submetida a uma intervenção cirúrgica, Burke tinha já sofrido danos cerebrais irreversíveis em virtude da falta de irrigação sanguínea e de oxigénio.