Futebol

Casillas pede o "bi" e Conceição fala em "orgulho"

Casillas pede o "bi" e Conceição fala em "orgulho"

Depois de levantarem a Taça na varanda da Câmara Municipal do Porto, os jogadores e o treinador do F. C. Porto regressaram à Avenida dos Aliados para festejarem mais perto dos adeptos e aproveitaram o momento para dizer algumas palavras.

Iker Casillas, cujo futuro na equipa azul e branca é ainda uma incógnita, pediu a repetição da festa do título para a próxima época: "Agora é ir para o bicampeonato!"

Já o treinador Sérgio Conceição, em declarações ao Porto Canal, recordou um episódio da adolescência. "Eu tinha 14 anos, jogava na Académica, um clube que me diz muito. Viemos jogar ao Porto e, no momento em atravessei a ponte da Arrábida pela primeira vez na vida, olhei a cidade e tive uma sensação única. Esta mesma sensação que estou a ter agora".

O técnico considerou ainda ser um "orgulho" voltar a ser recebido na Câmara Municipal. "É um orgulho voltar e mais orgulho é ver um reconhecimento tão merecido como aquele que tiveram com o nosso presidente. Uma pessoa com uma personalidade ímpar. O presidente, o mais titulado do mundo, levou o nome desta região e de Portugal a todos os cantos do mundo e isso é de louvar", elogiou.

Sérgio Conceição considerou ainda que o F. C. Porto foi um justo campeão e dividiu os louros da época de sucesso. "Podia não ter os melhores jogadores a nível técnico e individual, como se calhar era a equipa do Benfica, em que muitos jogadores venceram o tetracampeonato, e jogadores do Sporting, com muitos anos de casa. Mas esta vitória não foi só minha, foi de todos. Foi um ano fabuloso", concluiu

ver mais vídeos