Desporto

Comissão Arbitral Paritária dá razão ao Sporting no caso Bruma

Comissão Arbitral Paritária dá razão ao Sporting no caso Bruma

A Comissão Arbitral Paritária deu esta sexta-feira razão ao Sporting no processo do futebolista Bruma, considerando que o contrato entre o clube o internacional sub-20 português é válido.

Reunida esta sexta-feira à tarde na sede da Liga Portuguesa de Futebol Profissional (LPFP), no Porto, a CAP anunciou que foram "julgados totalmente improcedentes os pedidos do requerente", ou seja, Bruma, que reclamava a invalidade do vínculo com o Sporting até final da época 2013/14.

Bruma, de 18 anos, e os seus representantes consideravam que o vínculo ao Sporting tinha terminado no final da época 2012/13, versão contrariada pelos "leões", que defendiam a validade do contrato para a época em curso.