Inglaterra

Ex-treinador Barry Bennell culpado de mais sete acusações de pedofilia

Ex-treinador Barry Bennell culpado de mais sete acusações de pedofilia

O ex-treinador de futebol inglês Barry Bennell foi considerado culpado por um tribunal de Liverpool, em Inglaterra, de mais sete acusações de abuso sexual de jovens jogadores e a sentença será conhecida na segunda-feira.

Barry Bennell, que já tinha sido condenado em três sentenças de prisão por ofensas contra crianças, foi declarado culpado por um júri de 11 pessoas. Seis dos veredictos foram por maioria de 10-1 e um outro foi unânime.

O antigo treinador, de 64 anos, foi considerado culpado na terça-feira de 36 acusações de abuso sexual a dez jovens jogadores. Antes do julgamento, o ex-técnico de camadas jovens declarou-se culpado de sete acusações de assalto indecente envolvendo três rapazes.

Bennell treinou as equipas jovens de vários clubes ingleses, incluindo o Crewe Alexandra (agora na quarta Divisão), Manchester City e Stoke City.

O escândalo da pedofilia no futebol Inglês eclodiu em meados de novembro de 2016, depois de revelações de um ex-jogador do clube Crewe Alexandra, que relatou o seu calvário ao jornal "The Guardian".

ver mais vídeos