O Jogo ao Vivo

Futebol

Francisco J. Marques: "Bruno Esteves devia ficar em casa"

Francisco J. Marques: "Bruno Esteves devia ficar em casa"

No programa "Universo Porto da Bancada" desta terça-feira, o diretor de comunicação do F. C. Porto deixou críticas à arbitragem do jogo entre o Benfica e o Paços de Ferreira, vincando que Rúben Dias devia ter sido expulso.

Francisco J. Marques criticou a prestação de Bruno Esteves enquanto videoárbitro no jogo entre Paços de Ferreira e Benfica, na Capital do Móvel, que acabou com uma vitória (3-1) encarnada.

"O senhor Bruno Esteves devia ficar em casa, não ter esta canseira. O problema neste jogo, no meu ponto de vista, é claramente o VAR. Há uma sucessão de situações, a cada caso que passava o Rúben Dias sentia-se mais à vontade. Há uma gradação na brutalidade com que ele age, porque foi sentindo a sua impunidade", começou por afirmar.

"Este tipo de lances tem que ser castigado. O senhor Bruno Esteves demite-se da sua função, está lá a ver o jogo como se estivesse em casa. (...) É preciso corrigir isto de uma vez por todas. Lamento muito dizer isto, mas o senhor Bruno Esteves não pode mais ser VAR. Já são imensos casos onde ele não atua. Tem que agir, aconteça o que acontecer", criticou o diretor de comunicação dos azuis e brancos, para de seguida dar um exemplo de um lance num jogo do F. C. Porto, frente ao Aves.

"No jogo das Aves há um penálti no final do jogo sobre o Danilo. Era Bruno Esteves o VAR e estava, mais uma vez, a ver o jogo tranquilamente. Agora temos uma sucessão de agressões, umas mais graves do que outras. Não digo que o Rúben Dias devia ter sido expulso três vezes, mas tem que ser castigado", concluiu.

ver mais vídeos