Futebol

Francisco J. Marques: "Não pode haver diferença do Sporting no andebol e do Benfica no futebol"

Francisco J. Marques: "Não pode haver diferença do Sporting no andebol e do Benfica no futebol"

No programa "Universo Porto da Bancada" desta terça-feira, Francisco J. Marques reforçou que o F. C. Porto espera justiça no alegado caso de corrupção de andebol.

"O F. C. Porto, como em todas as circunstâncias que envolvem a justiça, quer o esclarecimento cabal. A ser verdade, o F. C. Porto é vítima disto e foi-lhe retirado um titulo. Convém recordar que, no pavilhão da Luz, o F. C. Porto foi muitíssimo prejudicado pela equipa de arbitragem, com decisões incompreensíveis. Pelos vistos, haveria motivos para que aquilo fosse bem analisado. Mas já no jogo anterior, em Braga, teve agressões e jogo irregular permanente", começou por explicar.

O diretor de comunicação dos dragões considerou, ainda, que o Sporting foi "arrogante" por, no comunicado, dar a entender que "é o único clube que luta pela justiça".

"No ano passado, a nossa equipa fez um percurso limpo na primeira fase. Na segunda fase, perdeu jogos que valeram a recuperação do Sporting mas, pelos vistos, há motivos que vale a pena esclarecer. O Sporting teve a arrogância de se considerar o único clube a lutar pela justiça deste caso. O F. C. Porto também tem demonstrado luta por um desporto limpo em todas as modalidades. Se isto aconteceu, não vejo alternativa senão castigar o Sporting. Isto precisa de ser investigado. Tem de haver mão dura, este tipo de comportamentos não pode haver no desporto. Não pode haver diferença do Sporting no andebol e do Benfica no futebol", concluiu.

Imobusiness