Desporto

Governo regozija-se com as nomeações de Fernando Gomes na UEFA

Governo regozija-se com as nomeações de Fernando Gomes na UEFA

O secretário de Estado do Desporto e Juventude congratulou-se pelas nomeações do presidente da Federação Portuguesa de Futebol, Fernando Gomes, para o grupo coordenador do Euro2016 e conselheiro especial do Comité Executivo da UEFA.

"O secretário de Estado do Desporto e Juventude, Emídio Guerreiro, regozija-se pelas nomeações hoje [quinta-feira] anunciadas pelo Comité Executivo da UEFA ao presidente da FPF, Fernando Gomes, para o grupo coordenador do Campeonato da Europa de Futebol de 2016 e conselheiro especial do Comité Executivo, qualidade que lhe garante a participação no órgão máximo de governo do futebol europeu", pode ler-se num comunicado divulgado pela tutela.

Na sequência das nomeações, Fernando Gomes decidiu retirar a sua candidatura ao Comité Executivo da UEFA, permitindo assim que os oito candidatos que vão a votos hoje, em Londres, sejam eleitos.

O dirigente português foi nomeado conselheiro especial para as relações com as outras confederações de futebol, o que lhe garante um assento nas reuniões do Comité Executivo, pelo que deixou cair a sua candidatura e assim permitir que haja oito candidatos apenas para oito lugares, explicou a FPF, na sua página oficial na Internet.

"Esta decisão permitirá que haja oito candidatos para oito lugares (...) sem que haja fricções ou divisões desnecessárias entre as federações, estando assegurado que Portugal volta a estar representado ao mais alto nível da UEFA", lê-se na nota da FPF.

Fernando Gomes também foi nomeado para integrar o grupo de coordenação do Campeonato da Europa de 2016, a disputar em França, que tem a presidência de Jacques Lambert e que é responsável por traçar as orientações gerais relativas à organização do Euro e reúne elementos da UEFA, da Federação Francesa de Futebol, do Estado francês e das cidades anfitriãs.