Premium

História favorece "Dragão" para a penúltima batalha no campeonato

História favorece "Dragão" para a penúltima batalha no campeonato

Na contagem decrescente para o termo do campeonato, F. C. Porto e Benfica jogam fora na 33.ª e penúltima jornada, com o Nacional e o Rio Ave, respetivamente. Dois obstáculos com diferentes graus de dificuldade, atendendo ao momento das equipas e ao histórico na montra do futebol português.

Nesta corrida a dois pelo título, o F. C. Porto é o primeiro a entrar em ação, no Funchal (depois de amanhã, 17.30 horas), medindo forças com o atual penúltimo classificado da Liga, o Nacional. Um cartaz que proporciona mais um reencontro com Costinha, técnico dos madeirenses que, como jogador, tem um passado de glória nos dragões, concretamente com a conquista de Liga Europa e Liga dos Campeões, para além dos títulos domésticos.

A formação portista está obrigada a ganhar para manter o Benfica sob pressão e terá de fazer pela vida para prolongar o histórico favorável. Em 18 jogos na casa do Nacional para o campeonato, o F. C. Porto venceu 14 (72,2%), empatou três (16,6%) e perdeu apenas dois (11,1%).

Imobusiness