Futebol

Jorge Sampaoli deixa comando da seleção argentina

Jorge Sampaoli deixa comando da seleção argentina

A Federação Argentina de Futebol (AFA) anunciou este domingo que o técnico Jorge Sampaoli deixou de ser selecionador argentino, depois da participação no Mundial2018, na Rússia, em que os sul-americanos foram eliminados nos oitavos de final.

"Hoje, a AFA e o treinador Jorge Sampaoli chegaram a acordo para a rescisão de contrato. O mesmo aconteceu com a restante equipa técnica. A AFA agradece o profissionalismo de todos durante o período em que estiveram na seleção", lê-se num comunicado publicado no site oficial do organismo.

Sampaoli, que utilizou um total de 57 jogadores, esteve em 15 jogos da seleção argentina, tendo alcançado sete vitórias, quatro empates e quatro derrotas, a última perante a França (4-3), nos 'oitavos' do Campeonato do Mundo.

O treinador de 58 anos chegou ao cargo de selecionador do seu país em maio de 2017, numa altura em que a Argentina tinha em risco a qualificação para o Mundial2018.

Sampaoli era também responsável pela equipa de sub-20.