Liga dos Campeões

Manchester City eliminado pelo Tottenham em jogo de loucos

Manchester City eliminado pelo Tottenham em jogo de loucos

O Tottenham está apurado para as meias-finais da Liga dos Campeões, apesar de ter perdido em casa do Manchester City, por 4-3. Aos londrinos valeu o triunfo caseiro, por 1-0, na primeira mão.

Logo aos quatro minutos, a equipa orientada por Pep Guardiola inaugurou o marcador e voltou a empatar a eliminatória, tendo o golo sido apontado por Raheem Sterling. Mas o Tottenham não se rendeu e aos dez minutos já vencia por 2-1, com um bis de Son Heung-Min aos sete e dez minutos.

Em tão pouco tempo a partida ficou eletrizante e ganhou contornos ainda mais épicos ao minuto 11, quando Bernardo Silva fez o 2-2. Após o golo do internacional português, foi preciso esperar apenas mais dez minutos para o Manchester City voltar a colocar-se na frente do resultado no jogo, com Sterling a assinar o 3-2.

A segunda metade da primeira parte foi mais calma e ao intervalo o resultado servia ao Tottenham, pois a eliminatória estava empatada a três golos, mas os tentos apontados fora de casa davam vantagem ao conjunto treinado por Mauricio Pochettino.

Na etapa complementar, Kun Aguero apontou o 4-2, aos 59 minutos, e pela primeira vez colocou os "citizens" na frente da eliminatória. No entanto, 14 minutos depois, Llorente marcou pelo Tottenham e reduziu para 4-3. Um golo importante que valeu a qualificação à turma de Londres, que deixou pelo caminho um dos principais candidatos ao título europeu.

Contudo, foi preciso sofrer muito para o Tottenham celebrar o apuramento em casa do Manchester City, pois já no período de compensação Sterling apontou o 5-3. O golo permitiria à equipa de Guardiola seguir para as meias-finais, mas o VAR invalidou o lance por posição irregular de Aguero na jogada.

Assim, o árbitro voltou atrás na decisão de validar o golo e o Tottenham foi a equipa que fez a festa, garantindo um lugar nas meias-finais, onde vai medir forças com o sensacional Ajax, que já afastou os candidatos Real Madrid e Juventus.