Inglaterra

Manchester United de Mourinho vence nos descontos

Manchester United de Mourinho vence nos descontos

O Manchester United, do português José Mourinho, praticamente assegurou este domingo o segundo lugar da liga inglesa de futebol, após bater em casa o Arsenal, por 2-1, com o golo da vitória a aparecer já nos descontos, na 36.ª jornada.

Em Old Trafford, o belga Fellaini foi lançado por Mourinho durante o decorrer da segunda parte e foi decisivo no triunfo dos 'red devils', com um cabeceamento certeiro, aos 90+1 minutos.

O Manchester United até foi para o intervalo em vantagem, graças ao médio francês Pogba, que marcou aos 16 minutos, mas o Arsenal respondeu no arranque da segunda parte, aos 51, pelo avançado arménio Mkhitaryan, que trocou os 'red devils' pelos 'gunners' em janeiro, na reabertura do mercado de transferências.

Naquele que foi o último embate entre Mourinho e Wenger na Premier League, nos descontos, Fellaini saltou mais alto entre os centrais do Arsenal, após centro de Ashley Young, e deu a vitória à equipa da casa.

Com este resultado, o Manchester United passou a somar 77 pontos, mais cinco que o Liverpool, terceiro classificado, embora os 'reds' tenham mais um jogo disputado.

No outro encontro do dia, o já campeão Manchester City foi a Londres golear o West Ham, por 4-1, e deixou os 'hammers' ainda sem a manutenção assegurada.

Bernardo Silva foi suplente não utilizado nos 'citizens', que venceram com golos do alemão Sane, aos 13 minutos, do argentino Zabaleta, antigo jogador do Manchester City, que acertou na própria baliza, aos 27, e dos brasileiros Gabriel Jesus e Fernandinho, aos 53 e 64, respetivamente.

Do lado do West Ham, que segue apenas três pontos acima da zona de descida, Cresswell marcou, aos 42 minutos, numa partida em que João Mário foi lançado na equipa da casa aos 65.

A ronda termina na segunda-feira com a receção do Tottenham ao Watford.

ver mais vídeos