Internado

Pelé cancela viagem aos Estados Unidos

Pelé cancela viagem aos Estados Unidos

O antigo craque brasileiro mantém-se, esta quinta-feira, hospitalizado em França, está a reagir bem à medicação, mas não tem condições de viajar para os Estados Unidos, onde domingo seria alvo de uma homenagem.

O "Rei do futebol", atualmente com 78 anos, está hospitalizado desde quarta-feira no Hospital Americano, nos arredores de Paris, devido a uma infeção urinária, mas estará tudo sob controlo.

Pelé foi a França para um evento de um patrocinador, a Hublot, em que devia acompanhar o francês Kylian Mbappé, mas, horas depois de ter estado com o jogador do Paris Saint-Germain, acabou por se sentir mal e foi levado para um hospital, com febre, contrações musculares e alguns espasmos.

Desde 2014, Pelé tem sofrido problema de saúde, tendo já aparecido em alguns eventos públicos com o apoio de uma cadeira de rodas.

Segundo um porta-voz hospitalar, Edson Arantes Nascimento, vulgo Pelé, o antigo futebolista passou bem a noite e "está a reagir muito bem" aos medicamentos, mas foi obrigado a cancelar uma viagem aos Estados Unidos da América, onde no domingo seria alvo de uma homenagem, promovida pela Universidade de Boston. A assessoria de imprensa do antigo jogador confirmou que ele não poderá comparecer ao evento por causa do contratempo.

Pelé, que não tem ainda previsão de alta, segue em observação naquela unidade hospitalar.